segunda-feira, 30 de abril de 2012

Gola rolê pra homem

Polêmica. Sim, o assunto de hoje é pura polêmica. Polêmica porque muitos homens relutam em vestir gola rolê. Inclusive este que vos escreve.

Mas essa relutância tem os seus motivos. Gola rolê pode deixar o cara com um ar muito feminino, o que nem sempre é a intenção. Ela tende a alongar o pescoço, uma caraterística das mulheres.

Mas em compensação, usada da maneira certa, sem ser muito justa, nem na gola, nem no tronco, esse modelo pode ser ao mesmo tempo prático - pois protege muito bem do frio - e ao mesmo tempo estiloso - já que pode dar ao conjunto uma cara mais séria e arrumada -. Não é à toa que Steve Jobs era um de seus mais famosos adeptos.

Como percebe-se pelos exemplos, é importante sempre manter a seriedade do visual quando usar esse tipo de gola, evitando chamar mais atenção ainda com cores e estampas muito exageradas. Por isso, mais uma vez indica-se roubar cor.

Quem tiver coragem, vale experimentar. Mas cuidado, é fácil errar.

 
 
 

sexta-feira, 27 de abril de 2012

Bicicleta pra homem

Como muita gente deve ter percebido, nós aqui no BMH somos super entusiastas da prática de exercício físico. Tanto é que já falamos em academia em casatênis pra correr e roupa pra correr.

E existe uma maneira de se exercitar e ao mesmo tempo não perder o estilo. Pelo contrário, contribui ainda mais para a elegância do homem. A boa e velha bicicleta.

A bicicleta é praticamente um acessório do homem (ou até vice-versa). O homem fica bem de bicicleta, fica mais elegante, fica mais atlético - mesmo que a roupa não seja esportiva -.

Bicicleta é tudo de bom. Bom para praticar esporte. Bom para ficar mais elegante ainda.

Aproveitem a sexta-feira, o fim de semana e o feriadão e vão pedalar!

 
 
 
 

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Dica de Londres: Camden Town

E as nossas dicas de Londres seguem com tudo. Hoje vamos falar sobre Camden Town.

Porque não existe ir pra Londres e não dar uma passada em Camden. Ok, existe. Mas é um baita programa pra se fazer.

Camden pode parecer muito punk, trash e pesado demais. Isso porque nos anos 70 e 80 essa região foi o maior reduto dos punks britânicos. Por isso, hoje em dia ainda é possível cruzar com diversos moicanos, piercings, tatuagens, e cabelos coloridos. Mas não é disso que vive uma cidade grande? Da diversidade. E essa é uma das maiores qualidades desse lugar.

É um lugar que se pode fazer compras em lojas de grife como a All Saints, tomar café no Starbucks e fazer passeios de barco pelos canais. Mas ao mesmo tempo é possível comer comida chinesa, comprar LPs raros, camisetas de banda e outras coisas tão inusitadas que já valem a visita.

O Stables Market (Mercado dos estábulos) é um mercado fechado que foi feito em meio a estábulos de verdade. As lojas e tendas ficam em baias, antigamente destinadas aos cavalos. Uma experiência única.

Vale a pena reservar uma tarde (no mínimo) para o passeio.

 
 
 
 

quarta-feira, 25 de abril de 2012

Al Pacino: aniversariante do dia

Todo dia que alguma personalidade de importância para a moda faz aniversário, nós a homenageamos aqui. Independente da área, se ela contribui para nós, mesmo que como mera referência, a gente canta um parabéns.

E hoje é mais um dia especial. Mais para o cinema do que para a moda. Ainda assim, seria uma falha não comentar que hoje é o 72º aniversário de Al Pacino. Um dos maiores atores de cinema da história.

Por menos que ele possa ter contribuído para a moda, seus personagens são mais do que marcantes e são referência não apenas de estilo, mas de atitude, de jeito e etc. Personagens como Michael Corleone (O Poderoso Chefão), Sonny (Dia de Cão), Tony Montana (Scarface) e Frak (Perfume de Mulher) são verdadeiros ícones do cinema e também da moda. Michael e Frank com seus ternos impecáveis, acompanhados de coletes e gravatas super alinhados. Sonny, um homem simples e correto na hora de se vestir, mas cheio complicações na cabeça. E Tony Montana, o gângster latino, com seus ternos com camisas bem abertas e calças boca de sino.

É por isso que devemos sempre aplaudir nossos ídolos. E Al Pacino não é diferente. Merece a nossa homenagem pela extraordinária colaboração para o cinema, para a moda e para as nossas vidas.

terça-feira, 24 de abril de 2012

Barbão pra homem

Barba é um assunto bastante recorrente aqui no BMH. Já falamos sobre barba por fazer, bigode, dicas para um barbear melhor e etc.

Porque barba é um tipo de estilo. É um "acessório natural" do homem. Não importa se é grisalha, preta, amarela, vermelha. O que vale é que, cultivada da maneira correta, ela pode ser tornar uma baita aliada do marmanjo.

E para aqueles mais corajosos e que gostam de cultivar a barba, vale a pena tentar aquele barbão. Principalmente no inverno. Uma barba grande, cheia, tem o seu charme. Ela compõe um visual interessante, diferente e até ousado. Dá uma certa masculinidade maior para a pessoa, mas que pode ser suavizada, ou não ser tão agressiva. Basta cuidar bem para que o conjunto todo não fique tão pesado, parecendo um marinheiro nórdico dos anos 40. Ou não, vai ver a intenção é essa mesmo.

O que é legal é que a barba nos dá essa liberdade de experimentar comprimentos e formatos diferentes. E o barbão é um deles. Pode ser um belo toque de estilo, elegância e charme.

 
 
 
 

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Referência pra homem: Johannes Huebl

Todo indivíduo vive de referências. Elas são fundamentais e alimentam as suas escolhas, seja no campo que forem. E como já virou tradição aqui no BMH, vamos com mais um cara que é uma baita referência de estilo e modo de se vestir.

Johannes Huebl é um fotógrafo alemão, que às vezes posa de modelo, e que sabe muito bem como se portar e como se vestir. Isso tudo mesmo quando ele não é o centro das atenções. É porque o cara aí é namorado da famosa socialite americana Olivia Palermo, e, por consequência disso, aparece sempre em segundo plano. Mas merece destaque pelo seu bom gosto na hora de se arrumar.

Mesmo quando não está fotografando ou posando para alguma lente, Johannes sabe mandar muito bem nas escolhas. Ele é mais um dos inúmeros casos onde apostar no simples é a melhor escolha. E quando se diz simples, lê-se: estiloso sem ousar, sem precisar que suas roupas chamem a atenção de uma forma agressiva e muito gritante. E Huebl faz isso através do uso de camisas lisas ou com estampas discretas, cores que combinam, sapatos sem meia, blazers  e lenço no bolso, ou seja, ele usa roupas discretas, mas nem por isso se veste mal ou cria um resultado sem graça. Muito pelo contrário, suas combinações são verdadeiras referências para nós.

 
 
 

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Gravata de tricô pra homem

Pera aí, tricô? Sim, tricô. Ou malha, se preferir.

Acontece que esse tipo de gravata foi muito popular nos anos 60, lá com os Beatles e outras bandinhas da época. Elas são feitas de fios grossos entrelaçados, quase parecendo um tricô feito pela vovó.

Bem parecidas com a maioria das gravatas slim, pois são mais estreitas e de longe não se percebe os fios grossos, esse tipo de gravata geralmente termina com um corte reto embaixo e não com o tradicional 'V' da maioria dos outros modelos.

Claro que ela é um pouco mais informal, pois parece quase artesanal, mas a verdade é que é perfeitamente possível compor um visual arrumado com esse tipo de acessório. Dá aquela quebrada (no bom sentido) no conjunto, fica diferente e até mais alegre (menos sério). Como sempre, tente manter o nível das combinações, optando por uma uniformidade de cores na maioria das peças, como sempre indicamos aqui.

Vale a pena apostar, principalmente pra quem gosta de mudar um pouco o figurino e não tem medo de experimentar coisas novas.



quinta-feira, 19 de abril de 2012

James Franco: aniversariante do dia

Hoje, quinta-feira, dia 19 de abril, é dia do nosso 7º mais estiloso do cinema completar 34 anos.

James Franco é um dos atores mais talentosos da sua geração. Com tantos ótimos papéis e o merecido reconhecimento, ele entra para a galeria dos grandes de Hollywood. E o talento não fica só na frente das câmeras, ele também dirige e produz filmes, escreve roteiros e até poemas.

E outro talento do cara, principal motivo para termos a sua presença aqui no blog, é o seu estilo. Dono de um jeito que varia entre o largadão e o roqueiro, Franco - seguidamente comparado com James Dean - consegue se equilibrar muito bem entre os dois, sem ser um largadão desleixado, nem um roqueiro muito agressivo. Ele aposta no simples, no fácil. E assim, dificilmente erra nas produções. Vestindo muitas camisetas básicas, camisas de flanela, calças jeans e jaquetas de couro, James Franco é mais um dos inúmeros exemplos que mostram que para ser elegante, não precisa chamar atenção. Só precisa de bom gosto e boas referências.

Parabéns pra você, James Franco.

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Jaqueta jeans pra homem

Pra quem já anda querendo se aquecer com o inverno que já ameaça chegar, aqui vai uma outra peça super tradicional e que nunca sai de moda. Apesar de nós não acreditarmos nessa história de entrar e sair de moda.

A jaqueta jeans é ótima para dias fresquinhos e para dias congelantes. Isso porque, assim como o cardigã, ela pode ser usado por cima de outras peças, com um casaco maior por cima.

Ela também vai super bem com várias outras peças e serve para diferentes ocasiões. Vai bem tanto com camisetas e calças básicas, criando um resultado mais informal e minimalista, quanto com camisas e até gravatas, deixando o conjunto com uma cara mais formal e arrumada, ao mesmo tempo que é diferente e quebra um pouco a seriedade do terno completo.

Vale a pena tomar cuidado quando usá-las com calça jeans. Jeans com jeans é meio demais, tudo da mesma cor e tecido faz com que o resultado fique muito chamativo e ao mesmo tempo pareça sem graça, pela falta de contraste. Procure usar com calças de cores diferentes, mesmo que jeans. Preto, marrom e outros tons de jeans (diferente da jaqueta em questão) são saídas melhores.

terça-feira, 17 de abril de 2012

Cores que combinam: azul e branco

Hoje temos mais um post daquela categoria 'cores que combinam'.

E as cores de hoje são azul e branco.

Tudo bem que essa é uma das combinações de cor mais famosas que existe. Mas nem sempre é tão simples quanto parece. Às vezes é difícil combinar as duas cores. Um terno azul com camisa branca é uma ótima alternativa, até para fugir da mesmice do terno preto. Arriscar calças brancas também pode ser uma boa saída, principalmente no verão, dando um ar mais tropical ao conjunto. Sapatos já são mais delicados, uma vez que, quando não são das cores mais tradicionais (marrom, preto e afins), tendem a chamar muita atenção. Mas não se iluda, tem como sair um resultado legal mesmo de sapato branco ou azul. Os tênis são mais fáceis, embora podem parecer muito infantis, dependendo da ocasião. Casaco branco é complicado, suja fácil e é um volume muito grande de uma cor muito chamativa. O mesmo dificilmente ocorre com o azul. É bom evitar também roupas 'tudo azul' ou 'tudo branco'. Uma cor só tende a ser peso demais para os olhos, quase não havendo contraste. Por isso, procure colocar uma ou mais cores no conjunto. Mas sem exagerar, claro.

Essa trata-se de uma das combinações mais clássicas da moda (tanto masculina quanto feminina). A camiseta branca com calça jeans - exemplo mais claro dessa combinação - deve ter nascido lá nos anos 50, quando caras como Marlon Brando "ousavam" tirar a camisa e ficar só com a camiseta que usavam por baixo, até então vista como roupa de baixo, quase como uma cueca. Hoje em dia essas duas peças formam um dos conjuntos mais básicos - mas nada sem graça - de todos.

Enfim, o que vale é experimentar. Sempre com uma dose de parcimônia e conforto acima de tudo.

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Calça curta, mas nem tanto

Não sei ao certo a razão, mas de uns tempos pra cá, tem se visto muita calça curta por aí. Daquelas curtas demais, acima do tornozelo.

Por algum motivo isso foi (e ainda é) tendência. E é um caso perfeito de como não precisamos sempre nos ater às tendências da moda. E isso se dá porque trata-se de uma questão que há pouco tempo atrás, era vista como feia, estranha e esquisita.

Hoje em dia é muito comum vermos homens com calça até o tornozelo, ou pra cima. Independente se a calça é curta mesmo, ou só dobrada. O resultado causa estranheza, parece descuido e passa a impressão de que a pessoa apenas segue a tendência, sem achar aquilo realmente bonito (um problema com a maioria dos seguidores de tendência).

Portanto, tente não deixar os tornozelos muito de fora. O ideal é que a calça não termine muito acima do ossinho. Cuidado também com o contrário, calça muito comprida também dá a ideia de descuido e também chama muita atenção para uma área do corpo nada atraente: a canela e o tornozelo.

Mas mais importante ainda: vista-se do seu jeito e não como você leu, viu ou disseram que deve ser.

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Cardigan pra homem

O cardigan (ou cardigã) é mais uma daquelas peças indispensáveis num guarda-roupa masculino.

Assim como o colete, é também uma peça atemporal, usa-se cardigan há muito tempo. Outra boa característica dele é que ele pode ser usado em diversas estações e temperaturas. Tirando os dias mais quentes de verão, é possível vesti-lo quase sempre, seja com apenas uma camiseta ou camisa por baixo, ou com um casacão ou jaqueta por cima.

Outra semelhança com o colete é que ele pode ser usado tanto em ocasiões informais, quanto em alguns casos mais formais. Para ocasiões mais comuns, é possível vestir apenas uma camiseta ou camisa por baixo e pronto. Nos casos que requerem um pouco mais de capricho, dá perfeitamente para vestir uma camisa com uma gravata, com ou sem o uso do paletó. Nessa ocasião mais formal, é bom atentar bastante para as cores, evitando obter um resultado muito extravagante.

Ainda que nem o colete, é possível variar bastante nas cores e estampas. O ideal é ter pelo menos uma unidade de cor lisa, para facilitar as combinações. Preto, cinza e azul marinho são barbada de combinar. Ainda sobre a cor e a estampa, lembrem-se da dica de roubar cor, usando cores parecidas para não fugir muito do mesmo universo de cores.

O cardigan também contribui muito para aquele efeito das camadas, pois ele pode fazer parte de um conjunto bacana de peças. Você pode por exemplo, vestir camiseta, camisa, cardigan e jaqueta. Isso sempre dá um resultado legal de sobreposições e que pode variar bastante.